Literatura

Sylvia Day fala sobre a continuação de Crossfire e a série de TV


sylvia day_crossfireA Editora Paralela divulgou uma entrevista feita com a escritora Sylvia Day, autora da série picante Crossfire. Em um vídeo com cerca de 5 minutos, Day contou como pegou o gosto pela leitura e como começou a escrever. “Eu queria recriar essa experiência para as outras pessoas. Eu queria escrever uma história que, ao fim do livro, deixassem as pessoas tristes por ter acabado” explica.

A ideia da série Crossfire veio durante a escrita de outro livro, Irresistível, que conta a história de um casal que sofreu abusos durante a infância. “Não foi abuso sexual, mas os dois foram abusados quando eram crianças. E essa dinâmica me fascinou e eu fiz muitas pesquisas sobre o assunto. Durante essas pesquisas, parte do estudo foi ler sobre abuso sexual na infância. E eu percebi que essa era a história de amor que eu queria contar”, relata Sylvia Day. Para a autora, é importante retratar pessoas que passaram por diversas experiências de vida, como conta no vídeo. “Historias de amor não são apenas para pessoas perfeitas; histórias de amor são para todos”.

Day também falou da possibilidade do quarto livro sair ainda este ano, o que não significa que a versão traduzida chegue ao Brasil na mesma data, e comentou ainda sobre a série de televisão que será produzida pela Lionsgate Studios (a mesma produtora que fez Crepúsculo e Jogos Vorazes), que retratará a história de Eva e Gideon, os personagens da série literária Crossfire. A escritora será a produtora executiva da série, ou seja, ficará responsável pela revisão dos roteiros, para se certificar de que a série não fugirá do contexto dos livros.

Veja o vídeo: